Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 30 de janeiro de 2012.

Ascoferj se posiciona sobre CP do CRF-RJ

COMPARTILHE:

Ascoferj

A diretoria da Ascoferj se reuniu, no dia 25 de janeiro de 2012, para discutir a proposta do CRF-RJ de condicionar a emissão da Certidão de Regularidade Técnica à prestação de serviços farmacêuticos por farmácias e drogarias no estado do Rio de Janeiro.

A Ascoferj definiu seus entendimentos sobre a proposta por meio de uma comissão composta por três farmacêuticos e produziu um documento de contribuição à Consulta Pública 01/12, que já foi encaminhado ao CRF-RJ.

De maneira geral, a Ascoferj não aprova a proposta porque, entre outras razões, no Brasil, não existe nenhuma norma primária (leis) ou secundária (resoluções, portarias, deliberações, etc.) que obrigue os estabelecimentos farmacêuticos à prestação de qualquer serviço citado pela consulta pública do CRF-RJ, “não sendo, portanto, adequado uma norma local aplicável apenas ao estado do Rio de Janeiro”, diz a carta. A RDC 44/99, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), permite que sejam oferecidos esses serviços, mas não é uma obrigatoriedade.

Clique aqui e leia o posicionamento da Ascoferj na íntegra


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.