Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 5 de julho de 2013.

CDC aprova requerimento para discutir fracionamento de remédios no país

COMPARTILHE:

Audiência pública foi solicitada pelo deputado federal Walter Ihoshi (PSD/SP) A Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara aprovou, hoje (03/07), o Requerimento nº 188/13 do deputado federal Walter Ihoshi (PSD/SP), para a realização de uma audiência pública a fim de discutir o fracionamento de medicamentos no Brasil.   O intuito dessa audiência é discutir um método seguro para a venda de remédios fracionados nas farmácias brasileiras com representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, entidades do setor farmacêutico e a Secretaria de Defesa do Consumidor.   Atualmente, a legislação permite às farmácias e drogarias o poder facultativo para tal forma de comercialização. Mas segundo o deputado Ihoshi, essa atividade facilita a venda ilegal de remédios nos balcões, já que os medicamentos são vendidos sem suas embalagens de fábrica,  isentas do selo de segurança e código de barra.   De acordo com a Anvisa, 15 laboratórios obtiveram registro para produzir 175 tipos de medicamentos fracionados no país, entre eles antibióticos, anti-inflamatórios e remédios de uso contínuo, como anti-hipertensivos.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.