Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 29 de setembro de 2011.

EMS deve licenciar versão biossimilar de medicamento para Gaucher

COMPARTILHE:

Febrafar

O laboratório nacional EMS assinou acordo com a empresa sul-coreana Isu Abxis para licenciamento do biossimilar imiglucerase. Esse medicamento é utilizado para terapia de reposição enzimática em pacientes com diagnóstico de doença de Gaucher.

A doença de Gaucher é uma doença genética relacionada com o metabolismo dos lípidos. É causada por uma deficiência na enzima glucocerebrosidase, que leva à acumulação do seu substrato, um glucocerebrosídeo.

As principais características observadas são o aumento do fígado e do baço, anemia, diminuição do número de plaquetas e doenças ósseas. Afeta 1 em cada 50.000 a 100.000 indivíduos.

O tratamento, que pode chegar a R$ 400 mil/ano por paciente, é coberto pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente, o Ministério da Saúde é responsável pela aquisição e distribuição do medicamento importado, classificado como de alto custo.

Com a parceria, a EMS terá condições de trazer ao mercado uma versão biossimilar do medicamento para tratar os cerca de 610 portadores desta patologia no Brasil, que sofreram com a falta de abastecimento do produto em 2010.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.