fbpx
Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 21 de outubro de 2013.

Estudo orienta política para descarte de medicamentos

COMPARTILHE:

Estimativas mostram que atualmente a população brasileira é responsável por gerar mais de 10,3 mil toneladas por ano de resíduos em medicamentos, sem um sistema de descarte adequado. Os dados são da publicação “Logística Reversa de Medicamentos”, lançada pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e elaborado por especialistas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). “A publicação serve de base para avaliar a viabilidade da logística reversa de medicamentos pós-consumo no Brasil, dentro do contexto da Política Nacional de Resíduos Sólidos”, observa a diretora da ABDI, Maria Luisa Campos Machado Leal. Segundo ela, o estudo e a discussão de boas práticas regulatórias contribuem para o desenvolvimento industrial, uma vez que auxiliam na formulação de uma regulação sobre resíduos sólidos. “Isso estimula empresas a investirem em inovação, pois a destinação correta e a reciclagem fazem com que haja um novo conceito na concepção de novos produtos”, acrescenta a diretora. Esse processo de regulamentação, segundo ela, precisa e ser feito de forma democrática, ouvindo consumidores e a indústria. Fonte: Direito Legal


VER MAIS SOBRE: arquivo


Logotipo Ascoferj

INFORMA

A Ascoferj informa que está em regime semipresencial.

Segundas, quartas e sextas: atendimento presencial, das 12h às 17h
Terças e quintas: atendimento remoto, das 8h às 17h.

Telefones de todos os setores para contato:

– Financeiro – (21) 98272-2882
– Jurídico – (21) 98097-0092
– Regulatório – (21) 98272-2852
– Comunicação – (21) 98272-2867
– DAC/Cursos – (21) 98399-0146
– Central de Negócios – (21) 98293-1816
– Comercial – (21) 98097-0099
– Relacionamento – (21) 98145-2036

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.
×