fbpx
Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 5 de novembro de 2009.

Fórum discute cadeia produtiva farmacêutica brasileira

COMPARTILHE:

Portal Fator Brasil

O evento reúne, no dia 19/11, representantes do Governo Federal e de empresas para debater as políticas voltadas ao crescimento do setor e à redução do déficit da balança comercial de saúde.

O “Fórum Competitividade da Cadeia Produtiva Farmacêutica no Brasil”, realiza-se, no dia 19 de novembro, em Brasília, no auditório Antonio Carlos Magalhães do Interlegis, no Senado Federal. O evento, promovido pelo Instituto Brasileiro de Ação Responsável, objetiva proporcionar um espaço para a discussão em busca de uma política concreta para o desenvolvimento da cadeia produtiva farmacêutica nacional, com ênfase no fortalecimento da produção estratégica do país e diminuição do atual déficit da balança comercial do setor.

Para o debate, que acontece das 9 às 14h, o fórum pretende reunir, entre outros atores envolvidos, representante do Congresso Nacional, Ministério da Saúde, Ministério da Ciência e Tecnologia, Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Banco Nacional do Desenvolvimento, Empresas da Cadeia Produtiva de Fármacos e Medicamentos, Centros Tecnológicos de Universidades, Agências de Fomento, Associações da Classe, Escritórios de Advocacia, Consultorias e Terceiro Setor.

O surgimento de novos medicamentos contribui para a melhoria das condições de saúde da população, mas tem sido motivo de preocupação constante dos governos e sociedade, em razão do crescimento nos gastos com a saúde. Tal situação é particularmente grave no Brasil, uma vez que o país não produz fármacos e medicamentos suficientes para atender a demanda nacional. A dependência externa, neste setor econômico, tem refletido diretamente na balança comercial e no orçamento da saúde pública. Cerca de 80% dos insumos utilizados na fabricação de medicamentos brasileiros é importado, deixando as indústrias nacionais a mercê das fabricantes internacionais.

As importações de medicamentos cresceram mais de 25% de 2007 para 2008, mantendo sua forte curva crescente e mesmo com o mundo temendo os efeitos da crise econômica, as vendas mantiveram-se elevadas. Com importações acima de US$3 milhões e exportações em torno de US$800 mil, o déficit apurado nas operações em 2008 foi de quase US$ 4 milhões. Já as importações de farmoquímicos e adjuvantes registraram alta de mais de 26% em relação a 2007, atingindo US$ 2.086,9 milhões.

Esses são apenas alguns dados que contextualizam a dimensão que o tema adquiriu na conjunção nacional, estimulando constantes reflexões sobre a cadeia produtiva dos fármacos e dos medicamentos, incentivadas pelo reconhecimento do governo, da importância estratégica da inovação como ferramenta de competitividade no setor.

Está estimado para o evento um público de 100 profissionais relacionados ao assunto, além de vídeo conferência para as Assembléias Legislativas do Território Nacional e vídeo streaming (via Internet, em tempo real pelo site do Senado ou do Interlegis).

Fórum Competitividade da Cadeia Produtiva Farmacêutica no Brasil, dia 19 de novembro (quinta-feira), das 9h às 14h, no auditório Antonio Carlos Magalhães – Interlegis – Senado Federal | *Evento<


VER MAIS SOBRE: arquivo


Logotipo Ascoferj

INFORMA

A Ascoferj informa que está trabalhando de forma semipresencial como medida de segurança contra a Covid-19.

Segundas, quartas e sextas: atendimento presencial na sede de 8h às 17h.

Terças e quintas: atendimento remoto de 8h às 17h.

Telefones de todos os setores para contato:

– Financeiro – (21) 98272-2882
– Jurídico – (21) 98097-0092
– Regulatório – (21) 98272-2852
– Comunicação – (21) 98272-2867
– DAC/Cursos – (21) 98399-0146
– Central de Negócios – (21) 98293-1816
– Comercial – (21) 98097-0099
– Relacionamento – (21) 98145-2036

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.