Hipertensão: Cortar sal pode tratar pressão alta resistente a remédios

Folha de S. Paulo

Pessoas que não conseguem controlar a pressão alta mesmo tomando vários medicamentos provavelmente estão consumindo sal em excesso. A conclusão é de um estudo publicado no periódico "Hypertension".
Pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, constataram que pacientes com a chamada hipertensão resistente conseguiram controlar a pressão reduzindo a ingestão de sal.
No estudo, os cientistas acompanharam 12 pessoas com hipertensão resistente que alternaram dietas com altas (5,7 g) e baixas (1,15 g) quantidades diárias de sódio durante uma semana cada uma, com duas semanas de intervalo entre elas.

Os pacientes tinham, em média, uma pressão sistólica de 145,8 milímetros de mercúrio (a medida utilizada para medir a pressão) e a diastólica, de 83,9. Todos usavam mais de três medicamentos para controlar a pressão.
Com a baixa ingestão de sódio, a pressão ficou dentro dos níveis normais.
Segundo a OMS, a ingestão diária de sal não deve passar de cinco gramas. No Brasil, a média chega a 12.
"Além de reduzir o sal ao preparar os alimentos, é preciso prestar atenção aos produtos industrializados, como enlatados e molhos prontos", diz o cardiologista Marcus Malachias, diretor clínico do Instituto de Hipertensão Arterial de Minas Gerais.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Categorias

Receba as principais notícias direto no celular

Sala de imprensa

Esta é uma área dedicada especialmente para o atendimento à imprensa e com acessos aos nossos releases.

Receba nossa newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Um programa para você ficar sempre bem informado

Logotipo Ascoferj

INFORMA

A Ascoferj informa que está em regime semipresencial.

Segundas, quartas e sextas: atendimento presencial, das 8h às 17h
Terças e quintas: atendimento remoto, das 8h às 17h.

Telefones de todos os setores para contato:

– Financeiro – (21) 98272-2882
– Jurídico – (21) 98097-0092
– Regulatório – (21) 98272-2852
– Comunicação – (21) 98272-2867
– DAC/Cursos – (21) 98399-0146
– Central de Negócios – (21) 98293-1816
– Comercial – (21) 98097-0099

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.
×