Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 4 de setembro de 2009.

Janssen-Cilag lança Eprex Protecs

COMPARTILHE:

Maxpress

Medicamento vem com seringa de segurança para reduzir o risco de contaminação e acidentes

A partir de setembro, a Janssen-Cilag lança no Brasil uma nova seringa do conhecido medicamento Eprex, com dispositivo de segurança que reduz o risco de acidentes perfurocortantes causados pelo contato do aplicador com a agulha. O Eprex é indicado para o tratamento de anemia, devido à insuficiência renal crônica em diálise ou na fase pré-diálise; no tratamento da anemia associada aos cânceres não mielóides e pela quimioterapia, bem como no tratamento da anemia do paciente com AIDS submetido ao tratamento com AZT.

A Janssen-Cilag é pioneira na utilização deste dispositivo, que está de acordo com a Portaria 939, do Ministério do Trabalho e Emprego, que exige a substituição dos materiais perfurocortantes por outros com dispositivos mais seguros. Segundo artigo publicado na Morbility and Mortality Weekly Report, a utilização de dispositivos de segurança em seringas pode reduzir em até 80% acidentes com a agulha.

O Eprex Protecs possui um dispositivo que, após a aplicação total do medicamento, cobre automaticamente toda a agulha, não permitindo qualquer contato do aplicador com a agulha ou o medicamento. "A nova apresentação traz uma segurança ainda maior para pacientes e profissionais de saúde, evitando ferimentos e lesões causadas pela agulha", afirma José Carlos Appolinário, diretor médico da Janssen-Cilag.

O Eprex Protecs foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, ANVISA, em novembro de 2008, e estará disponível em todas as apresentações, com as mesmas propriedades farmacológicas e o mesmo preço.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.