Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 26 de agosto de 2009.

Pesquisas testam lentes de contato que ministram medicamento

COMPARTILHE:

Guia da Farmácia

Procedimento pode ajudar no tratamento de doenças da retina ou do glaucoma

Uma pesquisa realizada por cientistas de Harvard e outra que começa na Faculdade de Oftalmologia da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) pretendem desenvolver um método para a aplicação de medicamentos por meio da lente de contato. As pesquisas estão sendo revisitadas com o auxílio da tecnologia das nanopartículas. A informação é do médico Rubens Delfort Jr., professor titular do departamento de Oftalmologia da Unifesp. "Busca-se o desenvolvimento da liberação programada dos medicamentos que tenham efeito na parte de trás do olho", disse.

Os pesquisadores de Harvard Medical School conseguiram em laboratório produzir uma lente que ministra antibióticos por 30 dias e devem dar andamento aos testes. O medicamento foi misturado ao hydrogel, substância de que são feitas as lentes, ou encapsulado nas nanopartículas que depois foram incorporadas ao material. O benefício dessa lente está no fato de que, pelo método tradicional, apenas de 1% a 7% do medicamento colocado nos olhos são de fato absorvidos pelo organismo e o restante é desperdiçado caindo pela garganta ou escorrendo pela pele.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.