Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 9 de março de 2010.

Tamiflu estará nas farmácias populares e credenciadas em abril

COMPARTILHE:

O Globo Online

O Tamiflu (fosfato de oseltamivir), medicamento usado no tratamento da influenza A (H1N1), a gripe suína, fará parte da lista de medicamentos do Programa Farmácia Popular do Brasil, a partir de abril, de acordo com portaria publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira.

A medida foi adotada a fim de oferecer mais condições de acesso da população ao tratamento da doença. O medicamento ficará disponível nas farmácias no período de 15 de abril de 2010 até 15 de março de 2011.

Nas farmácias populares o Tamiflu será subsidiado em até 90%. Nas da rede privada credenciadas ao programa, o medicamento terá desconto de 10% do valor por cada comprimido vendido com obrigatoriedade de apresentação e retenção de receita médica.

Preço pode variar de R$ 1,39 a R$ 3,49
Segundo nota divulgada pelo Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo, o valor de referência de cada comprimido poderá variar entre R$ 1,39 e R$ 3,49, dependendo da sua apresentação. Na rede pública, o medicamento estará disponível em cápsula de 75 mg. A fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) será responsável pelo processo de produção e de distribuição do medicamento.

O vírus da gripe já provocou a morte de pelo menos 9.596 pessoas em todo o mundo, segundo os dados mais recentes da Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil, foram mais de 1.300 mortes.

Uso do Tamiflu causou polêmica ano passado
Durante a epidemia do ano passado, a restrição ao Tamiflu foi polêmica. O Ministério da Saúde rebateu as críticas de que a pasta tenha concentrado toda a produção e alegou que o medicamento só não chegou aos estabelecimentos comerciais porque não havia estoque para suprir a demanda.

Na ocasião, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, disse:

– Eu sustento a posição do governo de que se fosse liberada a venda nas farmácias teremos alto consumo, consumo desnecessário e seria ruim, e uma irresponsabilidade.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) mudou a classificação do medicamento, para que a venda nas farmácias fosse feita com retenção obrigatória da receita, como ocorre hoje com os remédios psicotrópicos. É a forma encontrada pelo ministério para evitar uma corrida às farmácias e desabastecimento.

Vacinação começa segunda-feira
O Ministério da Saúde começa na próxima segunda-feira a a campanha de vacinação contra a doença. Mas em alguns estados, como o Pará, ela já está sendo realizada.

Confira o calendário da vacinação contra a gripe suína:
Profissionais de saúde e indígenas – 8 de março a 19 de março

Gestantes, doentes crônicos e crianças de 6 meses a 2 anos – 22 de março a 2 de abril

Jovens de 20 a 29 anos – 5 de abril a 23 de abril

Idosos (mais de 60 anos) com doenças crônicas – 24 de abril a 7 de maio

Adultos de 30 a 39 anos – 10 de maio a 21 de maio


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.