Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 1 de novembro de 2011.

Varejista cria loja virtual para medicamentos de alto custo

COMPARTILHE:

André Kina, fundador da 4Bio, conta que sempre teve o espírito empreendedor, mas como é comum em muitas pessoas que querem seguir o caminho do negócio próprio, tinha seus receios.

"Estava com um pouco de medo, pois tinha um cargo bom, com ascensão rápida e promessa de carreira internacional", lembra ele de sua época de executivo da área financeira da Procter & Gamble.

Em julho de 2001, a vontade construir sua própria empresa – ainda que sem saber bem por onde começar – superou os medos e ele pediu demissão.

"Olhava meu chefe, para a posição que ele ocupava na empresa e não era aquilo que eu ambicionava para a minha vida", conta.Hoje ele se diverte com a situação, já que acabou ficando desempregado quatro meses antes de se casar.

Como aprendiz de empresário, Kina leu diversos livros sobre empreendedorismo, mas os estudos trouxeram mais dúvidas. "Tinha muita teoria, mas de prática não havia nada", diz.

Ávido para ter o próprio negócio, montou uma empresa autopeças em parceria com um primo que não deu certo.
"Prestávamos serviço para grandes empresas do ramo, mas era um mercado difícil de se diferenciar. O cliente só visava o preço e concorríamos com empresas informais que não pagavam impostos", afirma.

Do investimento inicial de R$ 100 mil, Kina conseguiu apenas R$ 50 mil com a venda de sua parte do negócio. Voltou para os bancos da faculdade e se dedicou a um MBA na Universidade de São Paulo. Ao mesmo tempo, recebeu um convite de amigos da época da Procter & Gamble, que estavam fazendo consultorias na área de saúde, para prestar o mesmo serviço em uma clínica de reprodução humana.

"Me deparei com itens caríssimos, como os medicamentos de biotecnologia. Comecei a pesquisar porque nunca tinha visto medicamentos tão caros", afirma Kina, que aproveitou o trabalho de conclusão do MBA para desenvolver um plano de negócios de uma distribuidora de medicamentos especiais.

Em 2004 nascia a 4Bio, empresa especializada na distribuição de medicação de alto custo, desenvolvida principalmente por biotecnologia. "Os laboratórios me apoiaram. Antes de montar a empresa fui atrás dos fornecedores para mostrar o plano e conseguir apoio tanto de quem eu compraria quanto das empresas que iriam revender", afirma. Fazem parte da clientela tanto pessoas físicas como pessoas jurídicas, que englobam clínicas especializadas.

O aporte para a criação da empresa foi de R$ 300 mil, sendo R$ 100 mil apenas em material e máquinas e o restante de capital de giro.

O valor se justifica pelo armazenamento e transporte delicado das substâncias, que ficam em geladeiras especiais e são transportadas em embalagem com gelo por, no máximo, 72 horas.
O objetivo da 4Bio é fazer com que os medicamentos cheguem a qualquer ponto do país nas condições adequadas.

Atuação
Do mercado total de medicamentos do país – R$ 28 bilhões – Kina acredita que os remédios de alto custo representem 10% desse total. "Nos Estados Unidos o mercado desse tipo de medicamento é mais ou menos de 35% do total. Claro que é um mercado diferente, mas há uma tendência de crescimento", aposta.

Hoje a 4Bio atua nos segmentos de ginecologia, infertilidade, oncologia, neurologia, endocrinologia, oftalmologia, urologia e pediatria. A empresa foi a primeira do ramo a obter a Certificação de Qualidade ISO 9001.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Logotipo Ascoferj

INFORMA

Olá, Associado Ascoferj! Dê um play ▶️ e veja o CONVITE que o Bernardinho do voleibol tem para você! 😉

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.