Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 10 de maio de 2012.

Venda de medicamentos tem alta e registra crescimento de 23,97% no Brasil

COMPARTILHE:

O Brasil está em um dos melhores momentos da economia e o setor farmacêutico promete acompanhar esse ritmo a passos largos. Dados do IMS Health já apontam que no mês de março a venda de medicamentos teve crescimento de 23,97% em relação ao mês anterior. Para os genéricos o crescimento é ainda maior, uma vez que tornou-se uma excelente opção, impulsionada pelo valor e pela qualidade do medicamento. No mês de março a porcentagem alcançou 27,28% em relação a fevereiro de 2012, representando 25,77% em volume de unidades vendidas no país. Os distribuidores de laboratórios associados da Abradilan (Associação Brasileira dos Distribuidores de Laboratórios Nacionais), acompanharam e esse crescimento e ocupam uma boa fatia, representando 20% desse mercado promissor. As vendas de medicamentos genéricos alcançaram 58.574.796 unidades, aumentando significativamente em relação a fevereiro do mesmo ano, onde foram comercializados 46.019.496 unidades. As previsões para 2012 são otimistas. Uma recente pesquisa feita pelo IBOPE Inteligência mostrou que o comércio de medicamentos vai movimentar R$ 63 bilhões em 2012, um aumento de 13% em relação a 2011. Segundo projeção do Instituto, a classe C será responsável por 43, 22% do consumo de medicamentos. Um levantamento que aponta apenas dados com gastos domiciliares, também prevê que o brasileiro desembolsará, em média, R$ 386,43 com medicamentos ao longo do ano. A pesquisa ainda mostra que a região Sudeste concentra 51,50% do potencial de consumo, enquanto 17,5% estão no Nordeste, 17,35% no Sul, 8,14% no centro-oeste e 5,51% no Norte.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.