Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 1 de junho de 2010.

Apsen Farmacêutica lança fitoterápico com propriedades inéditas no mercado

COMPARTILHE:

Febrafar

A Apsen Farmacêutica acaba de lançar no mercado um fitoterápico que tem como principal composto o Barbatimão (Stryphnodendron adstringens), uma planta 100% brasileira do Cerrado, com alto poder de cicatrização. Cabe ressaltar que o barbatimão (Stryphnodendron adstringens) é uma das plantas de nossa biodiversidade oriunda do Cerrado brasileiro e que possui quase um século de uso documentado tradicionalmente.

Para um melhor entendimento do grande avanço que se conseguiu com o novo medicamento fitoterápico da Apsen, é importante entender que um ferimento passa por 3 fases de cicatrização nesta seqüência: fases inflamatória, proliferativa e de maturação.

Este lançamento é o único medicamento existente que atua na fase proliferativa, onde há a formação do tecido de granulação e a epitelização da pele. Portanto, este novo medicamento faz com que o objetivo do tratamento de feridas seja alcançado: melhor cicatrização em menor tempo.

De acordo com a Dra. Rita de Cássia Salhani Ferrari do Departamento Médico e Científico do Laboratório Apsen, "existem pomadas fitoterápicas cicatrizantes no mercado, mas nenhuma possui esta ação adstringente causada pela presença dos taninos, atuando tão eficazmente na reepitelização da ferida quanto este nosso novo medicamento”.

A pomada, cuja fórmula foi patenteada, é resultado de cinco anos de estudo em parceria com a Universidade de Ribeirão Preto (UNAERP) e possui indicação sob prescrição médica.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.