Pular para o conteúdo

Coronavírus


icone de categorias Coronavírus | Notícias icone de data de publicação 21 de março de 2020.

Como alterar horário de funcionamento na crise do coronavírus

COMPARTILHE:

Foto: freepik

Os órgãos reguladores estão atentos à possível necessidade de farmácias e drogarias serem obrigadas a reduzir seu horário de funcionamento devido à crise provocada pelo novo coronavírus.

Durante a crise do coronavírus, a recomendação para que as pessoas não saiam de casa e outras medidas conjuntas, como a que restringe a circulação de pessoas no transporte intermunicipal, estão dificultando o deslocamento até o local de trabalho. Há funcionários que não conseguem chegar à farmácia para trabalhar.

A preocupação dos proprietários é com as autuações e multas em uma eventual fiscalização, pois a lei determina que a farmácia deve funcionar exatamente no horário declarado.

A orientação do Departamento de Assuntos Regulatórios da Ascoferj é que os estabelecimentos adotem os procedimentos que já são conhecidos. “Vale ressaltar que não temos históricos de autuações de farmácias e drogarias por redução de horário, somente por funcionarem em dias ou horários antes ou após o declarado”, destacou a farmacêutica e responsável pelo Departamento, Betânia Alhan.

Para o CRF-RJ, é necessário preencher o FORMULÁRIO IX com os horários e dias praticados, assinado e carimbado. O documento deverá ser digitalizado e enviado para o e-mail protocolo@crf-rj.org.br.

A alteração dos horários na Vigilância Sanitária do município do Rio de Janeiro poderá ser feita pelo Portal Carioca Digital.

Nos demais municípios do Estado do Rio de Janeiro, o proprietário, farmacêutico ou procurador deverá ir presencialmente à Vigilância Sanitária e preencher o formulário de alteração de funcionamento.

Qualquer dúvida, entrem em contato com o Departamento de Assuntos Regulatórios da Ascoferj pelo e-mail farmaceutica@ascoferj.com.br.

Leia também: Ascoferj altera novamente horário de funcionamento


VER MAIS SOBRE: Coronavírus


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.