Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 27 de agosto de 2020.

Farmácias associativistas da Farmarcas crescem 40% em julho

COMPARTILHE:

Farmarcas Foto: Divulgação

As farmácias das redes associativistas administradas pela Farmarcas apresentaram, no mês de julho de 2020, um crescimento acima do mercado. Dados mostram que o agrupamento teve um faturamento 35,99% maior que o mesmo período do ano de 2019. Ao considerar o período de 12 meses finalizado em julho, o número passa a ser de 39,96%.

Edison Tamascia, presidente do grupo associativista, comenta: “São vários os fatores que podem ser considerados em relação aos impactos da crise serem menores nas farmácias, como o fato de os estabelecimentos oferecerem itens de necessidade básica. Contudo, na Farmarcas adotamos pilares bem claros que justificam o crescimento significativo das redes: comprar bem, administrar com eficiência, vender mais e empreender sempre”.

Antes mesmo da crise gerada pela Covid-19, as redes associativistas já apresentavam um crescimento expressivo. Em 2019, atingiram 1.100 lojas e um faturamento de R$ 3 bilhões. Atualmente, a empresa administra três redes do modelo popular e oito do modelo convencional de varejo farmacêutico.

Paulo Costa, diretor geral da Farmarcas, explica: “A ideia da empresa é manter o alto nível de profissionalismo e performance implantando um modelo de negócios de sucesso, que antes era considerado um ‘patinho feio’ e que hoje é respeitado e copiado”.

Veja também: IQVIA publica projeções de mercado para canal farma em agosto de 2020

Fonte: Revista da Farmácia


VER MAIS SOBRE: Associativismo / Farmarcas


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.