Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 17 de novembro de 2014.

Sandoz lança novas opções para tratamento da hipertensão

COMPARTILHE:

A Sandoz, divisão de genéricos do Grupo Novartis, acaba de lançar Losartana + HCT (losartana potássica + hidroclorotiazida) e Candesartana + HCT (cilexetila + hidroclorotiazida), medicamentos indicados para o tratamento da hipertensão quando a terapia combinada for apropriada. O Losartana + HCT chega ao mercado na apresentação de 50mg + 12,5mg com 30 comprimidos revestidos. Já o Candesartana + HCT possui apresentação de 16mg + 12,5 mg com 30 comprimidos revestidos. A hipertensão arterial ou pressão alta, como é comumente conhecida, é uma doença caracterizada pela elevação dos níveis tensionais do sangue, podendo acometer homens e mulheres de todas as idades. Estima-se que atinja em torno de, no mínimo, 25 % da população brasileira adulta, chegando a mais de 50% após os 60 anos e está presente em 5% das crianças e adolescentes no Brasil. As graves consequências da doença podem ser evitadas, desde que os hipertensos mantenham-se em tratamento com adequado controle da pressão. Em pacientes com pressão alta e espessamento das paredes do ventrículo esquerdo (hipertrofia do ventrículo esquerdo), o Losartana e o Candesartana, em combinação com a Hidroclorotiazida, reduzem o risco de derrame (acidente vascular cerebral) e de ataque cardíaco (infarto do miocárdio), proporcionando sobrevida aos pacientes. De acordo com dados do IMS Health, dentre as moléculas do mercado de anti-hipertensivos, a Losartana é líder absoluta, com aproximadamente 50% do mercado. Fonte: Maxpress Net


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.