fbpx
Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 2 de fevereiro de 2021.

Setor de farmácia expande e aumenta número de oportunidades

COMPARTILHE:

Novas oportunidades para setor de farmácia Foto: freepik

Mesmo com a crise gerada pela pandemia da Covid-19 ao longo de 2020, o setor de farmácia conseguiu aumentar o número de vendas e, concomitantemente, o número de contratações. As vendas online, por exemplo, cresceram 120,75% no ano passado segundo dados da Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma).

De acordo com Carlos Favorito, gestor do Centro Brasileiro de Cursos (CEBRAC) em São Gonçalo, Rio de Janeiro, diz que é importante ter profissionais competentes durante todo o processo de venda pelo e-commerce: “Seja presencial e/ou online, o fato é que o atendente de farmácia e o farmacêutico nunca foram tão solicitados no mercado de trabalho”.

A instituição contabilizou um aumento de 40% na procura pelo curso de Atendente de Farmácia em 2020. Só pela agência Cebrac Empregos, plataforma que encaminha estudantes e pais do CEBRAC para participação em processos seletivos em farmácias, laboratórios, farmácias em hospitais e outros, foram mais de mil pessoas empregadas no setor.

Levando em consideração a alta procura pelas farmácias, Jefferson Vendrametto, especialista em educação e diretor do CEBRAC, cita cinco competências para atuar no campo.

1 – Atenção à sua saúde mental e a do cliente

Com a pandemia, houve um aumento no número de pessoas ansiosas e depressivas – segundo pesquisa feita pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFGRS), só no Brasil, 80% da população sofre com ansiedade e 68% apresentam sintomas de depressão.

É importante não negligenciar as próprias emoções, fazer terapia caso seja necessário e ter o conhecimento adequado dos medicamentos que auxiliam nas questões mentais.

2 – Qualificação

Seja para conseguir uma nova colocação no mercado e/ou migrar de carreira, os farmacêuticos e demais colaboradores deverão se especializar e buscar cada vez mais conhecimento por meio de cursos.

3 – Conhecimento em cosmetologia e primeiros socorros

Para atuar no nicho farmacêutico é preciso saber realizar os primeiros socorros, podendo antecipar qualquer atendimento emergencial. Além disso, a parte de cosméticos, bem-estar e perfumaria são carros-chefes nas vendas.

Além dos conteúdos sobre saúde e corpo humano, é preciso conhecer técnicas de vendas e itens que favoreçam a qualidade de vida das pessoas.

4 – Orientação sobre saúde

É preciso orientar as pessoas sobre a importância das práticas de saúde no dia a dia, incluindo práticas regulares de exercício, ingestão de água e uso racional de medicamentos.

5 – Uso de tecnologia

O uso de tecnologia para facilitar o trabalho e o aprendizado já é parte fundamental da sociedade. Aplicativos, plataformas e até mesmo inteligência virtual vieram para ficar. Por isso, é preciso estar por dentro do que está sendo usado.

Veja também: Extrafarma oferece teste rápido nasal de antígeno de Covid-19

Fonte: Revista da Farmácia


VER MAIS SOBRE: farmacêutico / Setor de farmácia


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logotipo Ascoferj

INFORMA

A Ascoferj informa que está trabalhando de forma semipresencial como medida de segurança contra a Covid-19.

Segundas, quartas e sextas: atendimento presencial na sede de 8h às 17h.

Terças e quintas: atendimento remoto de 8h às 17h.

Telefones de todos os setores para contato:

– Financeiro – (21) 98272-2882
– Jurídico – (21) 98097-0092
– Regulatório – (21) 98272-2852
– Comunicação – (21) 98272-2867
– DAC/Cursos – (21) 98399-0146
– Central de Negócios – (21) 98293-1816
– Comercial – (21) 98097-0099
– Relacionamento – (21) 98145-2036

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.