Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 30 de março de 2012.

Banco Mundial deve investir na Brazil Pharma

COMPARTILHE:

IDVF

Um total de US$ 25 milhões devem ser liberados por meio de um contrato de empréstimo assinado com a companhia.
International Finance Corporation (IFC), braço financeiro do Banco Mundial para o setor privado, publicou ontem, em sua página na internet, um "resumo de proposta de investimento" na Brazil Pharma no valor de US$ 50 milhões. A BR Pharma é a empresa de varejo farmacêutico do banco BTG Pactual.

Dessa soma total, US$ 25 milhões devem ser liberados por meio de um contrato de empréstimo assinado com a companhia. Não há detalhes das condições do contrato, como taxas e prazos, mas geralmente, esses financiamentos variam de 7 a 12 anos. O restante dessa soma, US$ 25 milhões, entrará no caixa da empresa por meio da compra de pequena parcela de ações dos controladores. O BTG é o maior acionista da empresa.

Os recursos devem ser aplicados na expansão do negócio, com aberturas de novas lojas e geração de empregos em regiões fora dos centros urbanos.
"A BR Pharma espera gerar mais de seis mil novos empregos diretos nos próximos quatro anos. Isso será fundamental para o projeto de desenvolvimento de cadeias fora de grandes áreas metropolitanas do Brasil (especificamente no Nordeste e Centro-Oeste do Brasil)", informa o resumo da proposta de investimento do IFC. "Mais de 1.500 novos empregos deverão ser criados no Norte e Nordeste". A BR Pharma é a terceira maior rede de farmácias no país em número de lojas.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.