Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 5 de abril de 2011.

EMS obtém patente nos EUA

COMPARTILHE:

Assessoria de Imprensa EMS

A EMS recebeu recentemente documento que oficializa a concessão da patente do Toragesic nos Estados Unidos. O medicamento é um anti-inflamatório com forma farmacêutica exclusiva (sublingual) desenvolvida pela maior indústria farmacêutica brasileira. O certificado foi fornecido pelo United States Patent and Trademark Office, escritório federal do governo americano para a concessão de patentes e registros de marcas.

No ano passado, a EMS também havia conquistado uma patente no México e duas na Europa (uma delas também referente à forma farmacêutica de Toragesic), onde o laboratório é certificado pela Agência Europeia de Medicamentos (EMEA).

Para o vice-presidente de Marketing da EMS, Waldir Eschberger Jr., essas conquistas atestam a qualidade e a capacidade de inovação da empresa. “Os Estados Unidos, assim como a Europa, são bastante rigorosos na análise de pedidos de patentes. Essa concessão comprova que temos todas as condições de atender os países mais exigentes do mundo”, observa o executivo. “Hoje, a prioridade da empresa é investir em pesquisa e desenvolvimento, tanto que a biotecnologia é uma realidade que está bem próxima da EMS”.

No Brasil, o desempenho nas vendas do Toragesic está em ascensão. De acordo com a IMS Health, a comercialização desse produto gerou para a EMS uma receita de R$ 26,4 milhões no último ano, um crescimento de 57,2% em relação a 2009. No mesmo período, a empresa vendeu 1,6 milhão de unidades, evoluindo 51,4% (Fonte: IMS Health – MAT Janeiro/2011). Para 2011, a meta do laboratório é manter o mesmo nível de crescimento.

Foco em inovação

O Toragesic é um produto da divisão de prescrição EMS Sigma Pharma, fruto de uma inovação incremental da EMS, processo no qual a empresa desenvolveu uma nova formulação a partir de um princípio-ativo (trometamol cetorolaco) que se encontrava em domínio público. O produto, criado em 2006, é sublingual e tem como principal vantagem a propriedade de aliviar dores de forma rápida.

O desenvolvimento do Toragesic expressa a atenção que a EMS dedica ao setor de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), que, atualmente, conta com 200 pesquisadores. Considerada como uma das mais modernas da América Latina, essa área recebe investimentos anuais de 6% do faturamento da empresa.

Outro passo dado pela EMS para melhor atender o mercado brasileiro e ampliar a sua presença no exterior foi a consolidação de importantes empresas estrangeiras como parceiras. Em 2009, a companhia fechou duas parcerias com Cuba. Uma delas é com as empresas Quimefa e Heber Biotec e envolve registro e venda de produtos no Brasil, transferência de tecnologia e desenvolvimento de produtos. Outra, na China, é com o laboratório Shangai Biomabs, que possibilitará a transferência de tecnologia para a fabricação de produtos biotecnológicos de última geração. A previsão da empresa é entrar pioneiramente no mercado de biológicos já em 2011.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.