Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 12 de maio de 2010.

Inflação em São Paulo acelera a 0,49%, remédios pesam

COMPARTILHE:

Gazeta do Povo

Os preços de Saúde avançaram 1,46% na primeira quadrissemana do mês, após alta de 0,98% em abril, devido ao reajuste dos medicamentos concedido pela Anvisa

A inflação ao consumidor em São Paulo acelerou no começo do mês, ficando no teto das previsões do mercado, devido a maiores preços de saúde e despesas pessoais e a uma menor queda de transportes.

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo subiu 0,49% na primeira quadrissemana em maio, após alta de 0,39% no mês de abril, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta terça-feira.
Analistas consultados pela Reuters previam uma taxa de 0,46%, segundo a mediana de 10 respostas que variaram de 0,40 a 0,49%.

Os preços de Saúde avançaram 1,46% na primeira quadrissemana do mês, após alta de 0,98% em abril, devido ao reajuste dos medicamentos concedido pela Anvisa.

Os custos de Despesas Pessoais aceleraram a alta para 0,48% nesta leitura, ante 0,31% na anterior.

Os preços de Transportes caíram 0,10% na abertura do mês, seguindo a queda de 0,48% em abril.

Já os custos de Alimentação mostraram ligeiro arrefecimento, subindo 1,26% agora, após elevação de 1,36% anterior.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Logotipo Ascoferj

INFORMA

Olá, Associado Ascoferj! Dê um play ▶️ e veja o CONVITE que o Bernardinho do voleibol tem para você! 😉

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.