Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 15 de março de 2010.

Medicamentos

COMPARTILHE:

DCI

O setor de medicamentos, também apresenta resultados interessantes e, segundo consultores de mercado, deve ter alta de 10%, número considerado expressivo para o setor, em 2010. Neste campo, a Profarma, que é a terceira maior atacadista farmacêutica do País e a única de capital aberto, afirma que já começou o ano com resultados expressivos e pretende ampliar o seu market share, que hoje é de 11,6%. "Queremos sempre crescer acima do mercado e o setor já deve crescer o dobro do Produto Interno Bruto (PIB)", afirma Max Fischer, diretor financeiro e de relações com investidores da Profarma.

A empresa terminou 2009 com lucro líquido 68% superior ao do ano anterior e atingiu R$ 53,2 milhões, com margem líquida de 2,1%, a maior dos últimos sete anos para a companhia. Também houve recorde de geração operacional de caixa de R$ 80,2 milhões, enquanto sua receita bruta alcançou R$ 3 bilhões em 2009, diante de R$ 2,9 bilhões em 2008.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.