Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 27 de julho de 2011.

Receita da Eli Lilly sobe 9% e chega a US$ 6,25 bi no segundo trimestre

COMPARTILHE:

Febrafar

A farmacêutica americana Eli Lilly viu suas receitas saltarem 9% no segundo trimestre, ante o registrado no mesmo intervalo de 2010, para US$ 6,25 bilhões. Em nota que acompanha o balanço financeiro, a farmacêutica destaca o crescimento "sólido" das receitas no trimestre, apesar do impacto negativo das versões genéricas do Gemzar, cuja patente expirou em novembro do ano passado.

No trimestre, as vendas totais do Zyprexa, usado no tratamento de transtornos psicóticos, somaram US$ 1,41 bilhão, uma alta de 12% na comparação anual. Metade das vendas, ou US$ 711,2 milhões, foi registrada nos EUA. O antidepressivo Cymbalta, segundo medicamento da Eli Lilly em volume comercializado, movimentou US$ 1 bilhão no trimestre, com expansão de 16% frente ao verificado um ano antes.


VER MAIS SOBRE: arquivo


Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.