Pular para o conteúdo

Coronavírus


icone de categorias Coronavírus | Notícias icone de data de publicação 25 de maio de 2020.

Estado institui programa de diretrizes para populações mais vulneráveis

COMPARTILHE:

Programa de Atenção às Populações Vulneráveis durante pandemias do Rio de Janeiro Foto: freepik

O governador Wilson Witzel publicou, na última quinta-feira (21/05), a Lei Estadual nº 8.843/2020, que institui o Programa de Atenção às Populações Vulneráveis em Situações de Emergências Sanitárias Ocasionadas por Epidemias.

Entre as determinações da lei, fica estabelecido que, enquanto durarem as emergências sanitárias declaradas pelas autoridades competentes, estabelecimentos privados como farmácias e drogarias não poderão praticar preços abusivos para insumos relativos à proteção da população. Além disso, deverão fornecer meios de higienização aos colaboradores e clientes.

Outro ponto citado na lei é o fomento de alternativas à exposição ao vírus para trabalhadores formais em transportes públicos, incluindo a alternância de horários de entrada e saída, evitando lotação.

O Poder Executivo regulamentará, em até dez dias, as sanções a serem aplicadas caso haja descumprimento da lei.

Veja também: Decreto autoriza Guarda Municipal a fiscalizar estabelecimentos


VER MAIS SOBRE: Programa de Atenção às Populações Vulneráveis em Situações de Emergências Sanitárias Ocasionadas por Epidemias / Rio de Janeiro


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.