Pular para o conteúdo

Coronavírus


icone de categorias Coronavírus | Notícias icone de data de publicação 3 de junho de 2020.

PL determina recebimento remoto de receitas médicas por farmácias e drogarias

COMPARTILHE:

Recebimento remoto de receitas médicas Foto: freepik

O deputado estadual Marcelo Cabeleireiro (DC-RJ) apresentou à Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (ALERJ) o Projeto de Lei nº 2.370/2020, que autoriza o recebimento remoto de receitas médicas, inclusive de controlados, em farmácias e drogarias do estado enquanto durar a pandemia da Covid-19.

As receitas poderão ser recebidas pelo próprio site do estabelecimento, por e-mail, por WhatsApp ou outros aplicativos de mensagens, ou por outro meio remoto que a loja disponibilize.

Para que a receita seja aceita pela farmácia ou pela drogaria precisa estar de acordo com os critérios da Lei Federal nº 5.991/1973, que dispõe sobre o Controle Sanitário do Comércio de Drogas, Medicamentos, Insumos Farmacêuticos e Corretalos, e também da Portaria nº 344/1998, do Ministério da Saúde, que aprova o Regulamento Técnico sobre substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial.

Durante a entrega dos medicamentos, as farmácias e drogarias deverão recolher a receita original, cumprindo assim todos os trâmites legais existentes. O PL ainda tramitará no plenário para saber se passará por alguma mudança e se será aprovado ou não.

Veja também: Farmacêuticos poderão ficar isentos do pagamento das tarifas de estacionamento

Fonte: Revista da Farmácia


VER MAIS SOBRE: farmácias / Projeto de Lei / recebimento remoto / receitas médicas


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.