Suplementação probiótica e seus efeitos na cognição em idosos

Suplementação probiótica pode ajudar cognição de idosos
Foto: freepik
Suplementação probiótica pode ajudar cognição de idosos
Foto: freepik

Cognição é o ato de captar, utilizar e transformar a informação obtida do ambiente, das experiências afetivas e dos sentimentos. Com o envelhecimento, ocorre uma diminuição no volume do hipocampo, o que pode levar ao comprometimento cognitivo.

Esse comprometimento pode gerar dificuldade progressiva na retenção de memórias recentes, na aquisição de novos conhecimentos, na prática de cálculos numéricos, na manutenção do estado de alerta, entre outras. É um processo esperado com o passar dos anos e, por isso, comprometimentos mais comuns já são esperados.

O uso de probióticos tem sido proposto no tratamento da depressão e do comprometimento cognitivo com resultados promissores. As bactérias com ação positiva na saúde mental são chamadas de psicobióticos. Algumas cepas bacterianas presentes no intestino são responsáveis pela conversão de triptofano a serotonina.

Outro mecanismo proposto a partir da administração de substâncias probióticas é a restauração da mucosa intestinal e das junções oclusivas. Além disso, também podem enviar sinais via nervo vago para regiões cerebrais envolvidas com a depressão e a cognição – um estudo divulgado pela Consulfarma mostra os efeitos benéficos da suplementação de probióticos no humor e na cognição.

Nos testes de flexibilidade mental em idosos, os probióticos causaram melhora significativa e diminuíram os escores que medem o estresse.

Veja também: Uso de suplementos no gerenciamento do envelhecimento cutâneo

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Categorias

Receba as principais notícias direto no celular

Sala de imprensa

Esta é uma área dedicada especialmente para o atendimento à imprensa e com acessos aos nossos releases.

Receba nossa newsletter

Para notícias e ofertas exclusivas, digite seu e-mail abaixo.

Um programa para você ficar sempre bem informado

Talvez se interesse por:

Saiba onde encontrar o número da matrícula

Todo associado, além do CNPJ, possui um número de matrícula que o identifica na Ascoferj. Abaixo, mostramos onde encontrá-lo no boleto bancário. Você vai precisar dele para seguir em frente com a inscrição.

BOLETO BANCÁRIO BRADESCO

Encontre em “Sacador / Avalista”.

boleto bradesco contribuição

BOLETO BANCÁRIO SANTANDER

Encontre em “Sacador/Avalista”.

boleto santander contribuição
Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.
×