fbpx
Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 5 de julho de 2021.

Estudo aponta queda drástica de diagnóstico de doenças cardíacas durante pandemia

COMPARTILHE:

Doenças cardiovasculares Foto: Divulgação/Quanta Diagnóstico por Imagem

A pandemia da Covid-19 impactou o sistema de saúde mundial, afetando também o tratamento de outras doenças. Aproximadamente 718 mil exames de diagnóstico por imagem de doenças cardiovasculares deixaram de ser realizados em todo o mundo somente entre março e abril de 2020.

Os dados são do estudo “Impacto Internacional de Energia Atômica”, que contou com a participação da Quanta Diagnóstico por Imagem, clínica de Curitiba (PR), junto com outros 908 centros de diagnóstico em 108 países.

Maiores quedas

Na comparação entre março de 2019 e 2020, a quantidade de exames de imagem cardiovasculares diminuiu 42%. Analisando somente abril de 2020, a queda foi ainda maior: 64% em relação ao mesmo mês de 2019. Rodrigo Cerci, diretor de Pesquisa e Inovação e do Serviço de Angiotomografia Coronária da Quanta, revela que as maiores reduções ocorreram na América Latina e no Oriente Médio.

Foram analisados separadamente diferentes exames cardiológicos. Os procedimentos de ecocardiografia transtorácica diminuíram 59%, de ecocardiografia transesofágica 76%, os testes de estresse 78% e a angiografia coronária 55%.

Atenção às doenças cardiovasculares

As doenças cardiovasculares ainda são a principal causa de mortalidade no mundo inteiro, sendo responsáveis por 18 milhões de óbitos todos os anos, além de ser um fator para o agravamento da Covid-19.

“As demais doenças não deixam de existir devido à pandemia e condições potencialmente muito graves, como infarto e insuficiência cardíaca, precisam de diagnóstico imediato devido à alta mortalidade”, explica Cerci.

Ao sentir sintomas típicos, o profissional orienta a procurar atendimento médico imediato, pois o risco de morrer por infarto é maior do que por Covid-19. “Do ponto de vista das instituições (clínicas, hospitais), devem estar preparadas para atender pacientes com suspeita de Covid de forma separada das demais patologias, permitindo assim o atendimento seguro de todos”, finaliza.

Veja também: Canal farma é um dos mais diversos em empresas e produtos, segundo IQVIA

Fonte: Revista da Farmácia


VER MAIS SOBRE: Diagnóstico / doenças cardíacas


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logotipo Ascoferj

INFORMA

A Ascoferj informa que está em regime semipresencial.

Segundas, quartas e sextas: atendimento presencial, das 12h às 17h
Terças e quintas: atendimento remoto, das 8h às 17h.

Telefones de todos os setores para contato:

– Financeiro – (21) 98272-2882
– Jurídico – (21) 98097-0092
– Regulatório – (21) 98272-2852
– Comunicação – (21) 98272-2867
– DAC/Cursos – (21) 98399-0146
– Central de Negócios – (21) 98293-1816
– Comercial – (21) 98097-0099
– Relacionamento – (21) 98145-2036

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.
×