fbpx
Pular para o conteúdo

Notícias


icone de categorias Notícias icone de data de publicação 17 de maio de 2021.

Nota da Ascoferj sobre reportagem do Fantástico

COMPARTILHE:

Ascoferj se posiciona sobre reportagem do Fantástico Foto: AdobeStock

É com grande preocupação que nos posicionamos publicamente sobre a reportagem exibida ontem (16/5), no Fantástico, programa dominical da rede Globo. A liberdade de imprensa é um direito inquestionável e irrevogável. Conhecemos e defendemos a importância do trabalho jornalístico para expor as mazelas da nossa sociedade, pois somente assim podemos melhorar e avançar em direção a um País mais justo, honesto e seguro para todos os brasileiros.

No entanto, é preciso evitar a generalização dos fatos. As farmácias são, sim, um local de saúde, conforme prevê a Lei Federal 13.021/2014. E elas vêm, cada vez mais, demonstrando o tamanho de sua contribuição para melhorar a qualidade de vida das pessoas, seja por meio do acesso aos medicamentos, seja pela oferta de serviços de saúde, como aferição de pressão arterial, controle da glicose, orientação farmacêutica, vacinação e, mais recentemente, testes de Covid-19. Vale mencionar também todas as parcerias que vêm sendo feitas com prefeituras para imunização contra o novo coronavírus.

Em relação à intercambialidade de um medicamento de referência pelo genérico, trata-se de uma prática prevista na legislação brasileira, desde que feita pelo farmacêutico. O genérico representa uma economia para o consumidor, já que custa, em média, 35% mais barato do que o medicamento de referência. Além disso, é importante lembrar que é tão confiável quanto, já que passa por teste de bioequivalência e biodisponibilidade. Em outros países, o consumo dos genéricos é ainda maior que no Brasil.

É perigoso e irresponsável nivelar por baixo as mais de 80 mil farmácias brasileiras, pois a maioria trabalha com ética e responsabilidade. A maior parte de delas é o primeiro ponto de contato do paciente, que, muitas vezes, não consegue atendimento no sistema público de saúde, extremamente caótico, como todos sabem. Portanto, colocar em xeque uma relação de confiança que vem sendo construída há anos pode ter efeitos nocivos à saúde das pessoas.

Nosso objetivo com esta nota é que você, leitor, não generalize. Trabalhamos incansavelmente para promover o desenvolvimento do nosso setor com ética e responsabilidade, pois temos a certeza de que podemos fomentar negócios sustentáveis sem prejudicar a saúde dos nossos clientes. Portanto, concluímos reforçando a crença de que, apesar das exceções, farmácias e drogarias são, sim, locais de saúde.

Veja também: Nova lei federal determina que colaboradoras grávidas trabalhem remotamente durante pandemia


VER MAIS SOBRE: Ascoferj / Drogarias / Fantástico / farmácias


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Logotipo Ascoferj

INFORMA

A Ascoferj informa que está em regime semipresencial.

Segundas, quartas e sextas: atendimento presencial, das 12h às 17h
Terças e quintas: atendimento remoto, das 8h às 17h.

Telefones de todos os setores para contato:

– Financeiro – (21) 98272-2882
– Jurídico – (21) 98097-0092
– Regulatório – (21) 98272-2852
– Comunicação – (21) 98272-2867
– DAC/Cursos – (21) 98399-0146
– Central de Negócios – (21) 98293-1816
– Comercial – (21) 98097-0099
– Relacionamento – (21) 98145-2036

Este site utiliza cookies para garantir seu funcionamento correto e proporcionar a melhor experiência na sua navegação. Ao continuar nesse site você está de acordo com nossa Política de Privacidade.
×